melhorar o desempenho dos funcionários

Gerentes e líderes são críticos para o sucesso dos negócios e habilidades efetivas de orientação. O treinamento consistente ajuda a integrar e reter funcionários, melhorar o desempenho, aprimorar habilidades e disseminar conhecimento. Além desses benefícios, o treinamento de outras pessoas também é uma maneira eficaz de fortalecer e transferir o aprendizado.

Apesar de muitas habilidades e competências importantes de liderança, o treinamento é essencial para melhorar o desempenho dos funcionários.

Os fatos provaram que, para muitos funcionários, o estilo de liderança de coaching é mais eficaz para os funcionários de hoje e, sob esse estilo de liderança, muitos líderes de negócios operam de maneira mais autoritária. Os líderes que treinam funcionários em vez de solicitarem funcionários, podem criar forças de trabalho mais talentosas e ágeis, promovendo, assim, o desenvolvimento saudável dos negócios.

Lembre-se da sua carreira no futebol (ou de qualquer outro esporte coletivo). Aposto que você pode pensar em três tipos de equipes:
  1. Um grupo de crianças sem rumo corre sem rumo, frequentemente fazendo uma pausa com biscoitos e suco.
  2. O grupo organizado se concentra, mas ainda é divertido.
  3. Equipe altamente focada e agressiva.
Como você acha esses grupos? Claro, o treinador! O primeiro grupo teve um treinador mimado, o segundo um treinador equilibrado e o terceiro um treinador intenso, revivendo seus sonhos mal sucedidos como substitutos de um grupo de crianças de 6 anos.

Qual grupo é o mais saudável? Felizmente, você disse a segundo grupo. Mas como você treina para formar uma equipe saudável?


É fácil encontrar um bom treinamento, mas difícil de imitar.

Primeiro, você precisa entender a localização dos membros da equipe. Explicações não é um trabalho único. Algumas pessoas precisarão de mais recursos portáteis do que outras, dependendo de onde estão no trabalho e na carreira.

Portanto, antes de dominar as sete técnicas de treinamento, eis como alinhar o diálogo de coaching com as necessidades de cada funcionário.

COMO TREINAR FUNCIONÁRIOS EM DIFERENTES NÍVEIS

Os melhores treinadores não usarão o mesmo método de treinamento para todos os membros da equipe. Eles são flexíveis o suficiente para se adaptar à situação.
Existem cinco níveis de desempenho dos funcionários, e você precisa se adaptar a cada estilo para treinar efetivamente:
  1. Iniciantes
  2. Executores
  3. Artistas
  4. Mestres
  5. Especialistas

Nível 1: Iniciante

Iniciantes estão no estágio de "revelação" do aprendizado. Eles precisam receber muita orientação e correção construtiva. Se você tem confiança nas pessoas que contrata, elas talvez não precisem permanecer nesse estágio por muito tempo. Além disso, preste atenção às suas próprias tendências de microgerenciamento - você não deseja impedir que os funcionários sejam promovidos!

Nível 2: Executor

Depois que o iniciante começa a entender e executar a tarefa, ele entra no estágio Doer. Eles ainda não dominaram o trabalho, por isso ainda existem muitos treinamentos "de fala" em andamento. Mas eles estão envolvidos em um trabalho produtivo e contribuindo para a equipe. Portanto, agora há uma oportunidade de incentivar novos comportamentos e elogiar os Executores por seus bons resultados.

Nível 3: Artista

Quando o executor começa a realizar tarefas dentro do padrão, ele se torna o executor. Agora, eles estão fazendo um trabalho real e tendo carga total. Eles estão fazendo esse trabalho como deveriam. Para os artistas, há muito menos treinamento em "falar" (se houver). Mas ainda há feedback, principalmente focado no reconhecimento de bons resultados e na melhoria de resultados que não atendem às expectativas.

Nível 4: Mestre

Alguns artistas podem continuar a crescer e entrar no palco principal. Naquele momento, eles não só podiam executar tarefas de acordo com o padrão, mas também concluir as tarefas com eficiência. Além disso, eles têm conhecimento suficiente do que deve ser feito para ensinar e treinar outras pessoas nessa tarefa. Eles entendem o suficiente para realmente ajudar a melhorar os processos padrão.

Nível 5: Especialista

Os especialistas são membros valiosos da equipe e podem se tornar líderes das equipes da linha de frente. Os especialistas não precisam de muita orientação - são muito auto-suficientes. Se alguma coisa acontecer, eles podem fornecer orientação para os outros. Os especialistas não precisam necessariamente obter reconhecimento e elogios suficientes para se manterem motivados, mas isso não significa que eles não querem nada.

7 PASSOS PARA MELHORAR O DESEMPENHO DOS FUNCIONÁRIOS

dicas melhorar o desempenho dos funcionários

Portanto, agora que analisamos os diferentes níveis de desempenho que os funcionários podem executar, vamos entender o que você procura - dicas!

Essas técnicas de treinamento se aplicam a qualquer um desses cinco níveis e podem ajudá-lo a conduzir diálogos de treinamento mutuamente benéficos, melhorando assim o desempenho geral da equipe!


1. FAÇA PERGUNTAS NORTEADORAS

Perguntas abertas e orientadoras levarão a respostas mais detalhadas e ponderadas, o que levará a um diálogo de treinamento mais produtivo. Como gerente ou líder, é essencial estabelecer um forte relacionamento com os funcionários. Isso o ajudará a determinar se seus funcionários estão curiosos, se eles têm a capacidade de executar e melhorar, e qual atitude eles têm em relação ao trabalho.

É aqui que as habilidades de comunicação e a inteligência emocional realmente entram em jogo. Os gerentes devem orientar a conversa, fazer perguntas e ouvir, em vez de fornecer orientação. Quando os funcionários encontrarem a resposta, aprenderão e crescerão mais.

2. O RECONHECIMENTO DO QUE ESTÁ INDO BEM

Um bom treinamento requer críticas e elogios equilibrados. Se a sua conversa de coaching é totalmente focada no que não funciona e nas mudanças que seus funcionários precisam fazer, é frustrante.

Sua compreensão do bom desempenho dos funcionários é um trampolim para melhorar o trabalho deles. No entanto, não estamos falando de elogios aqui, porque essa técnica de treinamento geralmente se transforma em elogios superficiais, o que parece insincero.


Os elogios que você realmente não expressa terão um efeito pior do que nada; portanto, dedique algum tempo a pensar em coisas específicas que estão indo bem e informe seus funcionários que você os vê e os aprecia!

Outro aspecto é a maneira como os funcionários gostam de ser reconhecidos. Tem sido uma boa pergunta para eles desde o início do relacionamento - o reconhecimento frequente os ajudará a permanecer motivados ou é suficiente? Eles gostam de admitir isso publicamente ou em particular? A última coisa que você quer fazer é envergonhar alguém quando você quer, ser um bom treinador!

3. OUÇA E FORTALEÇA

O treinamento precisa de incentivo e encorajamento. Como gerente e líder, seu trabalho é construir relacionamentos pessoais com os funcionários para melhorar o desempenho.

Seus funcionários podem ter muitas informações, perguntas e comentários. É importante que eles saibam que você se importa o suficiente para ouvir o que eles dizem; portanto, incentive-os a compartilhar seus pontos de vista.

Alguns funcionários expressam suas opiniões sem reservas, enquanto outros precisam de muito incentivo para expressar suas opiniões com você. Depois de tornados públicos, certifique-se de respeitar essas opiniões e discutir, em vez de abandoná-las.

4. ENTENDA OS PONTOS DE VISTA DELES

coaching melhorar o desempenho dos funcionários

Quando você treina para melhorar o desempenho dos funcionários e o engajamento, tratar as coisas da perspectiva deles e não da sua, ajudará muito a visualizar as mudanças e os resultados desejados.

Todo o mundo tem diferentes motivações, preferências e personalidades. Portanto, se você fizer perguntas para ajudar a entender de onde vem o "porquê" e qual é a aparência preferida deles, você poderá ajustar a sua conversa de coaching para alinhar a melhor maneira de trabalhar com as melhorias que deseja.

Por exemplo, você pode ter mudado recentemente de um plano de escritório com vários escritórios separados para um plano mais aberto, e um dos representantes da equipe de vendas mostrou que o número de chamadas bem-sucedidas é bastante reduzido. Se você começar a fazer perguntas e se sair bem numa conversa pessoal, mas raramente falar em grupo, poderá ver como eles sentem quando todos estão ouvindo a sua ligação, o que os torna melhores do que quando não há confiança.

Com isso em mente, você pode trabalhar com mais eficiência com eles para recuperar os seus números.

5. DISCUTA O PRÓXIMO PASSO

O diálogo de treinamento é projetado para produzir mudanças e resultados; portanto, defina e defina claramente o que precisa ser feito a seguir. Isso garantirá que você e os seus funcionários estejam na mesma página que você espera e compreenda claramente as etapas reais em que eles podem fazer alterações e melhorias.

Além disso, essas etapas subsequentes devem chegar a um consenso entre si, levando em consideração a carga de trabalho e a complexidade das alterações feitas, discutindo expectativas razoáveis.

6. TREINADOR DO MOMENTO


Se um funcionário fizer perguntas sobre o processo ou contrato, use esta oportunidade para ensinar-lhes novos conhecimentos. Se você não conseguir interromper imediatamente o que está a fazer, faça a datação o mais rápido possível para análise.

Melhor ainda, agende uma reunião pessoal com cada funcionário uma vez por semana, para que você possa verificar os problemas regularmente, enquanto mantém a produtividade. Treinar para melhorar o desempenho dos funcionários significa dar prioridade a eles todas as semanas!

7. ENVOLVA-SE NO APRENDIZADO CONTÍNUO

Comprometa-se em melhorar as suas habilidades e competências. Se você não continuar a estudar, por que seus funcionários, devem? Lidere pelo exemplo, a sua equipe seguirá.

Mostre que você está interessado no sucesso deles (por que não fazer isso?). Faça perguntas sobre como eles vêem a sua profissão ou como o seu papel evoluiu na empresa. Mesmo que não tenham um plano definido, essas perguntas os farão pensar nas suas carreiras e no trabalho que desejam realizar dentro da organização.

Mostre a seus funcionários que apenas quer que eles se saiam melhor, mas também está interessado nas suas carreiras, realizações e sucessos na carreira.

A inteligência emocional (EQ) é um aspecto importante do treinamento dos funcionários, que pode construir relacionamentos interpessoais, aumentar o engajamento e melhorar o desempenho. Gerentes e líderes podem ver que as habilidades de treinamento foram bastante aprimoradas e foram tomadas medidas para melhorar a inteligência emocional - elas andam de mãos dadas!